XAT - Pokémon 308



  • Publicado por: Peppers 13/10/2012

    Uma estrela cadente percorre pelo vasto infinito onde encontra outros cometas que explodem ao se colidir com os mesmos.



    Goivanni: (Narrado) Espaço... Espaço sem fim. Quando começou a existir? Nada se sabe sobre o espaço... Espaço sem fim. Quando começou a existir? Nada se sabe em concreto. Contudo, há muito, muito tempo, nos confins do espaço, no sistema galáctico... Numa das galáxias solares, nasceu uma criatura... Ela evoluiu... nasceram humanos... e de novo, outra vez, nasceu uma nova criatura. Nasceram mais de cem espécies desta nova criatura, e eventualmente as pessoas chamaram Pocket Monsters a estas misteriosas criaturas, ou Pokémon, para abreviar.
    Os Pokémon não se ficaram pelos cem tipos. À medida que o tempo foi passando, foram sendo encontrados novos Pokémon, uns atrás dos outros.
    Pokémon - O Nascimento de Mewtwo.
    (Capítulo 01 - Mew, a Miragem)

    Reporte 01: (Em uma gravação para a rádio local) Hoje, nós, o governo militar, interceptamos ondas de comunicação de um navio de descoberta de Pokémon. 1011, à volta de 200 milhas náuticas além do mar aberto de Twin Island, encontrei um Pokémon não identificado. Tenho a certeza que se trata do lendário Dragonair.

    Giovanni: (Narra) Há várias descobertas que ficaram na história... 

    Reporte 02: (Comunica através de um rádio) Oh, tenho tanta pena que os outros não possam ver isto! O Gyarados... O Gyarados está aqui mesmo à frente dos meus olhos! Ouvimos dizer que é um Pokémon atroz, e como seria de esperar, parece bastante violento. Oh... está a vir para aqui... Agh! Não te zangues tanto, Gyarados! (Ataca a mulher e há uma explosão).

    Giovanni : (Narra) Por vezes as descobertas por si só foram bastante duras. Mas não se ficou por aí...

    Reporte 03: Acabamos de receber esta notícia. Foi-nos dado um anúncio importante do círculo académico Pokémon. Inacreditavelmente, foi descoberto o Pokémon mais antigo do mundo. O nome dele é Kabutops, e diz-se que retém a sua forma original de há dois milhões de anos atrás. 

    Kabutops: Kabu~tops! Kabu~tops! Kabu~tops! (Várias pessoas se reúnem para ver o Pokémon, e pelo rádio é possível ouvir burburinhos e comentários sobre o Pokémon).

    Multidão: Uau! É verdadeiro!

    Homem: Encontrem mais Pokémon!

    Mulher: Há novos... (Giovanni para o videocassete, que passava as reportagens documentadas pela antiga rádio).

    Giovanni: (Narra) Os humanos por todo o mundo partilharam desta febre de encontrar Pokémons novos e mais raros. E em qualquer era, quem esteve no topo da loucura dos Pokémon foi a nossa amada organização ilegal de caça e contrabando de Pokémon, a Equipe Rocket.

    Giovanni: Agora, permitam-me que lhes diga isto de antemão... O meu nome é Giovanni. Porém, a minha verdadeira identidade é a do atual líder da Equipe Rocket. Aqui mesmo e agora, tenho uma gravação do acontecimento mais crítico e importante na história da Equipe Rocket.

    Giovanni:  Esta história começou numa tarde há vinte anos atrás, com o relatório de Miyamoto, uma membro da Equipe Rocket. Ora, o líder da Equipe Rocket na época era uma pessoa de bastante beleza, muito... O líder anterior era uma mulher muito bela. (Pausa no documentário) A minha mãe era tão bonita. Em todo o caso, foi entregue um relatório em um videocassete à minha mãe.

    Miyamoto: Chefe, ouça esta cassete, por favor.

     Madame Chefe: Está bem, Miyamoto, oh, Miyamoto-chan. Faz-se bom dinheiro por estes dias?

    Miyamoto: Aqui e ali, Chefe! Esta é a password da Equipe Rocket. Adiante, ouça a cassete por favor! (Ouvem-se sons de Pokémon) 

    Madame Chefe: O que é isto? Ei, podemos fazer dinheiro com essa cassete? 

    Miyamoto: (Para a cassete) Não, não. Isto não é para vender. Esta gravação foi feita numa selva Sul-Americana com os nossos magníficos microfones de alta sensibilidade da Equipe Rocket.

    Madame Chefe: Espera. Quanto foram esses microfones?

    Miyamoto: (Cai, envergonhada) Foram com 50% de desconto em liquidação total.

    Madame Chefe: Não conseguias regatear mais um bocadinho?

    Miyamoto: Ah, foi o melhor que consegui. Adiante, foi isto que se gravou.

    Madame Chefe: Então o que é?

    Miyamoto: (Fala depressa) Numa selva onde não conseguimos encontrar Pokémon com muita facilidade, gravamos as vozes deles e depois, com a análise da gravação, conseguimos determinar a direção em que estão a localização deles. (Pausa, respira) Este método é barato e vai-nos poupar algum dinheiro.

     Madame Chefe: Eu trazia o preço dos microfones um pouco mais para baixo, até 60%.

    Miyamoto: Lamento imenso, mas mesmo só com 50% de desconto, são microfones de alta sensibilidade. Ainda conseguimos gravar um bom par de vozes de Pokémon bastante bem. Ouça, por favor. Consegue ouvir? (Toca a cassete com vozes de Pokémon) 

    Madame Chefe: O quê?

    Miyamoto: Primeiro, eliminamos os sons do vento, das árvores e dos rios, por outras palavras, sons da natureza. (aperta num botão). Ora bem, que interessante. Agora, eliminamos as vozes dos Pokémon insetos e pássaros que costumam haver na selva (aperta duas vezes).

    Madame Chefe: Que desperdício. Se a ias apagar, não precisavas ter gravado.

    Miyamoto: Cale-se e ouça. Ouça, por favor. (aperta no botão e ouve-se música) 

    Madame Chefe: O que é isso?

    Miyamoto: É uma espécie de música sertaneja nativa desta zona. Há muito, muito tempo... As pessoas dizem que entre os lagos de areia das montanhas, vivia um Pokémon miragem.

    ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ ♪


    Madame Chefe: Hmm... E então?

    Miyamoto: Dizem que uma vez por ano, que o Pokémon miragem aparece com o nascer do Sol.

    Madame Chefe: Hmm... E então?

    Miyamoto: Este Pokémon é o mais raro do mundo, e provavelmente é forte, amável e corajoso. É um Pokémon pelo qual devemos estar gratos porque nos protege a todos.

    Madame Chefe: Parece perfeito.

    Miyamoto: Dizem que esta canção popular foi feita em honra desse Pokémon.
    ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ ♪

    Madame Chefe: Será que vende se fizermos um CD com ela, pergunto-me...

    Miyamoto: E é de lucros que vamos falar agora. Eu, Miyamoto-chan, tenho estado de olho neste Pokémon miragem e esperei durante anos. (suspira) Mesmo quando tive a minha menininha querida. Nunca deixei o trabalho e vivi sozinha, como se estivesse numa viagem de longa distância.

    Madame Chefe: As crianças custam tanto dinheiro, não é? O meu pirralho lá em casa é terrível!

    Giovanni: Hmph! (ao ouvir a conversa das duas pela cassete).

    Miyamoto: Hehe... Bem, antes que a minha se pudesse tornar uma esbanjadora garota, eu já tinha posto-a para a adoção (chora rápidamente).

    Madame Chefe: A intenção é boa.

    Miyamoto: Sim, pois a minha vida resume-se em: lucrar, economizar e obter Pokémons.

    Madame Chefe: És a imagem ideal da Equipe Rocket. 

    Miyamoto: Continue a ouvir por favor. Vou eliminar até a canção. (Aperta no no botão, acaba a música)

    ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ ♪

    MiyamotoEstá lá? Consegue ouvir?

    Madame Chefe: Não consigo ouvir.

    Miyamoto: Vamos aumentar o volume. (Gira o botão)

    Mew: (Grito pequeno) Mew... Mew. 

    Madame Chefe: Mm, mm?

    Mew: (Grito pequeno) Mew

    Madame Chefe: Mas que estranho.

    Miyamoto: (Para o gravador) É uma voz que nunca ninguém gravou. Mas as ondas de som são sem dúvida de um Pokémon.

     Madame Chefe: Isso quer dizer...

    Miyamoto: Afinal o Pokémon miragem existe! As pessoas desta área chamam Mew de Pokémon miragem.

    Madame Chefe: Mew?

    Miyamoto: Os gritos do Mew foram desde a floresta Sul Americana e desapareceram na direção das montanhas lá perto. Se o apanharmos, vamos fazer uma fortuna! Atacar enquanto o ferro está quente, o mal tem de ser rápido! As conversas sobre lucro movem-se como super comboios-bala! Portanto, lá vou eu! (Miyamoto “corre” até à América do Sul).

    Giovanni: (Narra) A chefe da Equipe Rocket na época, por outras palavras, a minha mãe, enviou uma equipa de três pessoas, liderada pela Miyamoto, quem tinha gravado a voz do Mew, à América do Sul. No entanto, diz-se que nunca nenhum deles regressou.

    Miyamoto: (Sopra vento na Cordilheira dos Andes) Ora então... (Fala à audiência da rádio) Olá a todos! Eu sou a Miyamoto-chan! Este é o cume da montanha mais alta desta serra sul-americana. Por favor olhem para a nossa direita. É quase madrugada, e está muito frio. Devia ser verão, mas nas montanhas só há nevascas. Mas não faz mal, eu, Miyamoto-chan, vou dar o meu melhor! (Suspira, e fala consigo própria) Ainda assim, pergunto-me quantos anos passaram desde então...

    Miyamoto: (pensa consigo mesma) Separei-me dos outros membros da Equipe Rocket, agora a minha única acompanhante é a fotografia da minha filha, que deixei para trás ainda pequena. (Chora) Mas ainda assim, vou esperar. Vou continuar a esperar. Sim, estou à espera do Mew. Se acreditar consigo ver o Mew se esperar aqui neste cume. Acreditei nessa lenda. Um Pokémon miragem vai trazer dinheiro de certeza. Eu vou fazer dinheiro, isso eu vos garanto!
    (A nevasca para) Miyamoto:  Hã? A nevasca... parou... Oh... é o nascer do Sol... O Sol está a nascer! A montanha inteira está a brilhar como prata. Parece uma montanha de moedas! É algo tão lindo!
    Miyamoto: Aquilo é... 

    Mew: Me~w... 

    Miyamoto: Você  é... Você é o Mew!

    Mew: Me~w..

    Miyamoto: Bem, parece tão mansinho. Então você é o Mew. Oh, ei, olha... Olha para esta foto. Esta é a minha filha, o nome dela é Jessie. Não é querida?

    Mew: Mew.

     Miyamoto: É... ei, olha, deixe eu te apanhar? Creches, jardins de infância... As crianças custam dinheiro. (Começa a nevasca outra vez) Ei! Onde vais? Ei?! Vais-te embora? ei, você! Espera! Não vou deixar fazer isso! Quando ouço falar de lucro, não deixo a oportunidade escapar! (O Mew voa para longe, e a nevasca volta em força) Hã? Onde é que vais?
    (Ouve-se o som de uma avalanche ao longe) Miyamoto: O quê? Isto é mau! Vou cair? Depois de tudo?! AUGH! (A avalanche abate-se sobre a Miyamoto).

    Mew: Mew.

    Giovanni: Bem, tinham passado dezoito anos desde o incidente quando o segredo do Pokémon miragem se revelou perante nós de novo...

    Continua no próximo capítulo... 
    --------------------------------------------------------------

    Nota do autor: Essa é uma história real sobre o surgimento do tão misterioso Mewtwo. Ganhou a história verdadeira através de uma rádio-novela e foi traduzida pelo site http://passaaiomicro.blogspot.com.br, e adaptado em fanfic por mim e para vocês, espero que tenham gostado e que acompanhem os próximos capítulos.


    Glossário:
    Milhas náuticas - Milha Náutica, ou Milha Marítima, é uma unidade de medida de comprimento ou distância, equivalente a 1852 m, utilizada quase exclusivamente em navegação marítima e aérea e na medição de distâncias marítimas.

    Cassete - Cassete que contém uma fita magnética que permite o registro e a reprodução de um programa de televisão ou de um filme de vídeo.
    Equipamento de reprodução de imagens gravadas em videocassete.

    Atroz - De grande perversidade, cruel, desumano, impiedoso.

    Regatear - Questionar ou insistir para obter preço melhor e mais baixo.

    Cume - A parte mais elevada; cimo, topo.

    { 1 comentários... Leia os comentarios ou CLIQUE AQUI e Comente Também!!! }

    1. Fiquei triste por ela ter dado Jessie pra adoção :'(

      Mew e um dos meus pokes favoritos ;D

      ResponderExcluir

  • Copyright © - Pokémon Story

    Pokémon Story - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan