XAT - Pokémon 308



  • Publicado por: Peppers 07/10/2012


    Um treinador não pode ter mais que seis Pokémons em sua equipe. Antes de ser inventado o sistema de armazenamento, podia ter quantos Pokémon quisesse na equipe de um treinador, certamente muitos achavam muita vantagem ter dezenas e centenas de Pokémon na equipe, mais no acumulo desses Pokémons causava confusões e atritos na hora de escolher o monstrinho ideal para batalhar, além do peso que deve ser carregar um mochila entupida até a boca. É claro que isso deve ter ocorrido a muito tempo, nunca na história e gerações do anime houve casos como esses, pois o sistema de armazenamento foi introduzido na primeira geração do anime.
    Esse grandioso e revolucionário sistema foi criado por um pesquisador considerado um especialista em vários campos e ramos na tecnologia Pokémon, Bill (em japonês: ソネザキマサキ  Masaki Sonezaki) um jovem da cidade Goldenrod (em Kanto) mas nascido em Johto.
    As pessoas costumam apelidar Bill de PokéManiaco, por causa de sua grande coleção de Pokémons raros. Bill aparenta possuir uma grande família. Em Fuchsia City vive sua irmã e seu avô, sendo que possui outros parentes em Kanto. 
    Certamente o armazenamento de Pokémon foi uma própria dependência do criador com tantos Pokémon.

     No anime o Sistema de Armazenamento Pokémon é mais usado em épocas de competições, ligas e batalhas memoráveis, quando um treinador viaja para uma nova região é sempre bom armazenar velhos pokémons para capturar novos. Após armazenados, os Pokémons são levados ao laboratório da região de origem do treinador e concentrados até que o treinador o peça de volta.

     Nos jogos esse sistema consiste em armazenar Pokémon no Pc e guarda-los até uma ocasião necessária.
    Em suas pesquisas Bill fez muitos amigos, além de espalhar seu conhecimento para alguns especialistas de mesmo ramo ou campo de pesquisa:
    Ainda em Kanto, Bill compartilhou e desenvolveu seu trabalho com Celio (em japonês:ニシキ Nishiki)  um grande amigo do jovem pesquisador. Celio desenvolveu diversos programas de computação no qual dava opções e facilitava o trabalho de armazenamento para o usuário do Pc. Celio é responsável por levar esse sistema para as Ilhas Sevii (um pequeno arquipélago formador por nove ilhas no Sul da Região de Kanto). Esse personagem têm aparições nos jogos e no mangá.

    O sistema de Armazenamento Pokémon logo passou por mais algumas regiões como Johto (pelo próprio Bill) e finalmente chegou a Hoenn. O Sistema de Armazenamento Pokémon foi atualizado por Brigette (em japonês: アズサ Azusa), agora podendo ser armazenados com capacidade para 1500 pokémons (nos jogos), e a capacidade de selecionar e mover Pokémon de uma vez.
     Ela, junto com sua irmã mais nova, foi para Kanto para atualizar seu sistema de armazenamento Pokémon, e torná-lo compatível com o de Hoenn.

    Grandes avanços nesse tipo de sistema deve-se a ajuda de Lanette (em japonês: マユミ Mayumi), a irmã mais nova de Brigette. Juntamente com sua irmã permitiu que treinadores pudessem mover Pokémons entre as duas regiões (Hoenn → Kanto → Hoenn).

    Além de Bill, Celio, Lanette, Brigette, outras pessoas tentaram e conseguiram com sucesso novos avanços no Sistema de Armazenamento Pokémon para suas regiões, entre elas Bebe (em japonês: Mizuki), uma garota totalmente especialista em computação. Bebe foi responsável por trazer o projeto do sistema de Bill para a região de Sinnoh. A personagem foi introduzida na quarta geração porém apenas nos jogos.

    Na quinta geração não houve quase nenhum avanço ou seja, esse sistema está gradualmente finalizado e completo para o uso do treinador.

    Leave a Reply

    Subscribe to Posts | Subscribe to Comments

  • Copyright © - Pokémon Story

    Pokémon Story - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan